ZMA: O que é, para que serve e benefícios

O ZMA é um tipo de suplemento alimentar formado por zinco, vitamina B6 e magnésio ótimo para a saúde muscular e também para a imunidade. Basicamente, ele garante o melhor armazenamento dos nutrientes que podem ser obtidos por meio da nutrição.

Zinco e magnésio atuam na síntese de testosterona e de hormônios do crescimento, substâncias naturalmente produzidas pelo organismo e que estão associadas ao aumento da força e da massa muscular. Já a vitamina B6 está envolvida na produção de energia. Ela atua no metabolismo dos aminoácidos, gorduras e proteínas que são consumidas pela alimentação.

O suplemento pode ser encontrado em lojas de suplementos alimentares e em alguns supermercados, sob a forma de cápsulas ou pó.

Benefícios do ZMA

Melhora a qualidade do sono

A suplementação de ZMA promove a melhora da qualidade do sono, além de prevenir episódios de insônia, o que consequentemente também beneficia o humor e o metabolismo.

Leia mais: Magnésio é indicado para quem tem dificuldade para dormir

Fortalece a imunidade

A princípio, o zinco é um dos minerais mais importantes para a imunidade do organismo. Por isso, a suplementação de ZMA pode fortalecer o sistema imunológico e contribuir para a sua proteção.

Beneficia o funcionamento do metabolismo

Não só, o zinco é também essencial para diversas etapas do funcionamento do metabolismo, inclusive a digestão dos nutrientes. Ou seja, o suplemento em questão pode favorecer seu funcionamento ainda mais.

ZMA ajuda no controle da glicemia

magnésio é um dos minerais mais importantes para a saúde do corpo, e ele pode controlar o açúcar na corrente sanguínea, ou seja, a glicemia. Segundo um estudo recentemente realizado na Universidade de Palermo, na Itália, casos de diabetes de tipo 1 e de tipo 2 estão geralmente associados à deficiência de magnésio no corpo.

Leia também: Alimentos ricos em magnésio e seus benefícios

Facilita a hipertrofia e a recuperação do corpo

Dores musculares posteriores à prática de exercícios físicos são normais, porém, podem ser incômodas. No entanto, o ZMA pode ajudar em seu alívio e facilitar a recuperação do corpo, o que também facilita a hipertrofia (ganho de massa muscular). Por esse motivo, o suplemento vem ganhando popularidade entre os praticantes de atividades físicas, principalmente a musculação.

Leia mais: Jejum intermitente pode reduzir a massa muscular?

Cuidados ao suplementar ZMA

A suplementação deve ser feito junto ao consumo de alimentos ricos em cálcio, como o leite e seus derivados (iogurte, queijos e mais). Sua ingestão não é recomendada sem que haja prescrição e acompanhamento por parte de um profissional da saúde.

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo