Yoga do riso: O que é, quais são os benefícios e como realizar

Você já ouviu falar de yoga do riso? Essa é uma das diversas modalidades de yoga, que tem como objetivo fazer você rir até a barriga doer. Segundo estudos sobre o assunto, o riso tem efeitos positivos sobre nós, incluindo a melhora da autoestima e fortalecimento do sistema imunológico.

O riso é algo que está presente em nossas vidas quase todos os dias. Contudo, à medida que as pessoas ficam ocupadas com a vida, as atividades que promovem o riso podem ser deixadas de lado. 

Por isso, yoga do riso foi projetada para ensinar as pessoas a deixarem o estresse de lado e focar em uma atividade que traz alegria e bem-estar. Ainda de acordo com pesquisas, os efeitos gerados pelo riso provocado são os mesmos do riso espontâneo.

Yoga do riso: Benefícios

Yoga do riso pode trazer diversos benefícios. Isso porque quando damos risada, hormônios como a endorfina são liberados e, consequentemente, o estresse é reduzido.

Além disso, a atividade também pode reduzir a pressão arterial e fortalecer o sistema cardiovascular, diminuindo as chances de que o indivíduo sofra de doenças cardíacas.

Exercícios de yoga do riso

Geralmente, uma sessão típica de yoga do riso dura entre 30 minutos a uma hora. Veja os exercícios comuns da prática:

Bata palmas

  1. Bata palmas numa sequência 1-2-3, mexendo as mãos para cima, para baixo e para os lados;
  2. Dessa maneira, enquanto bate palmas ria bem alto “ha ha ha”;
  3. Coloque as mãos nas têmporas e comece a rir dentro da sua cabeça “he he he”, esse riso ajudará a limpar a sua mente de tensões e pensamentos negativos; 
  4. Continue batendo palmas e comece a andar pelo espaço em círculos ou de um lado a outro;
  5. Respire sempre fundo e pelo diafragma.

Leia também: Raja Yoga: O que é, como funciona e quais os benefícios

Risada do leão

  1. Abra a boca e coloque toda a língua para fora. 
  2. Em seguida, estenda as mãos na forma de patas e ruja; 
  3. Logo após, ria a partir do diafragma. 
  4. Você sentirá os músculos do rosto, da língua e da garganta serem alongados e mais relaxados.

Respiração profunda com riso

  1. Respire pelo diafragma e coloque as mãos na região e concentre-se em puxar bem o ar e soltar devagar pelo nariz, expandindo e contraindo o órgão;
  2. Inspire devagar enquanto conta até quatro e expire pelo nariz pelo mesmo tempo.;
  3. Depois, dê uma ou duas risadas altas na hora de soltar o ar. Faça isso conforme a sua respiração fica mais profunda.

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo