Vitamina K protege a saúde do coração, diz estudo

A vitamina K é uma das vitaminas mais importantes para a saúde do organismo e, em um estudo recente, cientistas da Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, comprovaram que ela protege a saúde do coração. Ou seja, o consumo adequado de vitamina K pode beneficiar o bem-estar cardiovascular, bem como prevenir graves problemas. Não só, ela também está ligada à saúde dos ossos.

Vitamina K x saúde do coração

A princípio, essa é uma vitamina que interage com o cálcio no organismo e, por isso, é importante para a saúde dos ossos. Em resumo, o cálcio é um mineral muito importante e cumpre várias funções no corpo. Não só, o consumo de vitamina K está ligado à redução do risco de sofrer com a osteoporose, uma condição que se caracteriza pela diminuição progressiva da densidade óssea e aumento do risco de fraturas. Sendo assim, a vitamina K não apenas protege a saúde do coração, mas dos ossos também.

Ainda, os cientistas envolvidos no estudo compreenderam que a deficiência de vitamina K no sangue pode levar uma pessoa a viver menos. Por meio da observação de cerca de 4 mil participantes no estudo, eles concluíram que pessoas que não se alimentam frequentemente de alimentos ricos em vitamina K possuem 19% mais chance de viver menos.

Quantidade diária de vitamina K recomendada

Para mulheres, a recomendação é 90 mcg por dia, inclusive para gestantes. Já para os homens, a recomendação é de 120 mcg a 130 mcg diários.

Alimentos ricos em vitamina K

A melhor fonte de vitamina K são os vegetais, especialmente os de cor verde-escura. Sendo assim, esses alimentos, devem integrar qualquer dieta (emagreça com o Tecnonutri)  balanceada.

Mais, a couve, o pepino, a acelga, bem como o repolho são outras opções de alimentos ricos em vitamina K. Com isso, vale acrescentá-los ao cardápio.

Leia também: Vitamina K2: Benefícios e quanto consumir

emagreça com jejum intermitente

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo