Vitamina C pode proteger do coronavírus?

A vitamina C é conhecida por fortalecer a imunidade e nos manter protegidos de doenças, mas será que ela pode proteger do coronavírus?

A princípio, é importante lembrar que, até o momento, não há medicação específica ou qualquer suplemento comprovadamente capaz de combater o novo coronavírus, agente da pandemia vivida em 2020. O mesmo vale para a vitamina C: sozinha, ela não é capaz de combater o vírus.

Portanto, não há nenhuma medida preventiva além do distanciamento social e práticas de higiene adequadas para impedir o desenvolvimento desta doença.

Mas, apesar de não ser eficaz no combate do coronavírus, é possível dizer que a vitamina C age no fortalecimento da imunidade. 

Como a vitamina C pode proteger do coronavírus

A imunidade é a primeira linha de defesa do corpo contra infecções e doenças. Dessa maneira, a vitamina c desempenha um papel crítico na promoção da resposta imune.

Assim, ela age como um antioxidante e está presente em alguns alimentos, além de poder ser obtida por meio de suplementos – ela não é produzida naturalmente pelo organismo humano. Ainda, sua principal função da é ajudar a blindar o sistema imunológico contra gripes, resfriados e outras doenças, apesar de também proporcionar outros benefícios ao corpo.

Leia mais: Pequenos hábitos que ajudam a fortalecer a imunidade

Vitamina C x imunidade

Basicamente, a vitamina C pode afetar positivamente a imunidade de diversas maneiras. A princípio, sua atividade antioxidante alivia os processos inflamatórios do corpo.

Além disso, também ajuda na manutenção da saúde e boa aparência da pele, pois ela está relacionada com a produção de colágeno. Dessa forma, com a maior resistência da pele – impulsionada pela maior produção de colágeno, beneficia o processo de cicatrização.

Também, como comprovado por cientistas da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, a vitamina C também incentiva a atividade dos fagócitos, os leucócitos do sangue que protegem o corpo por meio da ingestão (fagocitose) de partículas estranhas, bactérias e células mortas ou células a morrer.

Leia também: Alimentos para aumentar a imunidade

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo