Prolina: O que é, benefícios e como incluir na alimentação

A prolina é um tipo de aminoácido encontrado em alimentos como o ovo e que é considerado não essencial, ou seja, é um aminoácido que o próprio organismo consegue produzir a partir do ácido glutâmico . O nutriente atua no processo de formação do colágeno, é importante para a saúde das articulações, veias e tendões.

Por isso, adicionar alimentos ricos nesse aminoácido na dieta (emagreça com o Tecnonutri) é benéfico para a saúde.

Refeição da Dieta Paleo

Para que serve a prolina

A prolina está principalmente ligada ao processo de síntese do colágeno, que é a proteína mais abundante no corpo humano e que é especialmente importante para a saúde da pele, sua elasticidade e firmeza. Não só, é importante para a saúde de unhas e cabelos, músculos, tendões e ligamentos.

Conforme envelhecemos, o colágeno é produzido cada vez em menor quantidade, por isso, a suplementação de prolina pode ser indicada nesse caso, assim como o consumo de alimentos ricos no aminoácido.

Leia mais: Artrite reumatoide: Alimentos que aliviam os sintomas

Benefícios da prolina

  • Músculos fortalecidos e maior facilidade no ganho de massa muscular (hipertrofia)
  • Pele firme e elástica, ou seja, previne a flacidez
  • Ajuda a prevenir lesões nas articulações e rompimentos dos ligamentos
  • Pode aliviar dores musculares

Leia também: Síndrome do túnel do carpo: O que é e como tratar

Alimentos ricos em prolina

Oleaginosas

Oleaginosas são fontes de gorduras boas, vitaminas diversas e aminoácidos, como a prolina. Em especial, castanha-de-caju, castanha-do-Pará e avelã são ricas no aminoácido.

Leia mais: Quantas oleaginosas você deve comer por dia?

Leguminosas

As leguminosas também são grandes fontes. Feijão, ervilha, milho são ótimas adições à dieta.

Centeio

O centeio é rico em minerais como manganês, cobre, magnésio e fósforo. Ainda, é fonte de vitaminas do complexo B, além de ser abundante em fibras e prolina.

Cevada

A cevada é considerada um grão ancestral altamente nutritivo. Além disso, é repleta de fibras, minerais (especialmente selênio e manganês), vitaminas, como a vitamina B1 (tiamina) e a niacina e aminoácidos, como a prolina.

Outros alimentos recomendados:

Leia também: Taurina: O que é, para que serve e benefícios

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo