Produtividade tóxica: O que é e como impacta a saúde mental

Com a pandemia do COVID-19, diversos fatores estão impactando negativamente a saúde mental das pessoas. Durante esse período, muitos brasileiros perderam o emprego. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a taxa de desemprego atingiu 14% (cerca de 13,5 milhões de pessoas). No entanto, quem está trabalhando ou estudando em casa também enfrenta vários problemas, como a produtividade tóxica.

Leia também: Ergonomia no home office: Dicas simples para você adotar

Principalmente pelo fato de estar em casa, a produtividade foi drasticamente afetada. Isso porque alguns não estão produzindo o suficiente, enquanto outros, estão mais do que deveriam.

Basicamente, a produtividade tóxica é o desejo excessivo de ser produtivo. Dessa maneira, consiste na necessidade de estar sempre à frente. Seja no trabalho, em casa ou nos estudos.

Leia também: Cromoterapia: Os benefícios da terapia das cores

Quando a produtividade se torna tóxica

Mas você deve estar se perguntando quando a produtividade se torna tóxica. Ela aparece quando o foco é voltado apenas para a quantidade de coisas executadas, em vez de focar na qualidade.  

Assim, pessoas com essa característica trabalham mais e mais horas. Pois, acreditam estar em um dia produtivo mesmo que isso custe horas de sono.

Geralmente, costuma ocorrer em quem não preza as necessidades de sobrevivência. Como por exemplo, ter um sono de qualidade, uma boa alimentação, praticar exercícios físicos e cuidar da mente.

No entanto, a produtividade se tornando tóxica, pode ativar um lugar de autossabotagem. Esse mecanismo é usado pela mente para evitar responsabilidades ou o medo de se mostrar incapaz de realizar uma atividade. 

Leia também: Tecnoestresse: As consequências do excesso de tecnologia

Além disso, mesmo quando uma tarefa é concluída, a positividade tóxica não acaba. Pois, após concluir um projeto no trabalho, você se sente culpado por não ter feito mais. 

Leia também: Bloqueio criativo: Saiba o que é e como revertê-lo

Como evitar

  • Evite trabalhar por um longo período de tempo: Faça pausas para o corpo e a mente relaxarem.
  • Ter um sono de qualidade: Se você está com insônia e sobrecarregado com o trabalho, busque regular o sono dormindo sempre no mesmo horário.
  • Mantenha o contato social: O sentimento de isolamento é muito frequente na vida de quem trabalha de maneira remota. Portanto, busque manter o contato com seus amigos e familiares. Você pode realizar telefonemas, chamadas de vídeo e até combinar um almoço online.

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo