Musicoterapia: Como funciona e quais são os benefícios

Quando ouvimos música, geralmente temos a sensação de bem-estar. Mas você já ouviu falar da musicoterapia? Um conjunto de técnicas que utiliza sons como forma de tratamento e prevenção para diversas condições. A música age na região do cérebro que é responsável pelas emoções. Portanto, dependendo da música que escutamos, podemos nos sentir mais alegres, motivados ou introspectivos.

Desse modo, a musicoterapia utiliza músicas com letra ou na forma instrumental, além de instrumentos como violão e flauta. O objetivo é entender como o ser humano expressa suas emoções através dos sons. A técnica pode ser utilizada para tratar o estresse, dores e condições como hipertensão e autismo. 

O método teve início no século XX, após a Segunda Guerra Mundial e surgiu no Brasil em 1972, como graduação.

comer bem e cuidar da mente

Como funciona 

Geralmente, as sessões são feitas com o paciente ativo, ou seja, ele pode colocar a música e cantar junto com o psicoterapeuta. Assim, os atendimentos podem ser individuais ou em grupo. Os recursos utilizados variam de acordo com o quadro do paciente. 

Leia também: Os benefícios da música para a saúde

Benefícios

  • Melhorar a frequência cardíaca;
  • Melhora os sintomas da ansiedade e depressão;
  • Proporciona bem-estar e relaxamento;
  • Promove a socialização;
  • Aumento da força de vontade;
  • Reduz o estresse.

Leia também: Tocar instrumento musical pode ajudar na saúde mental

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo