Kefir: Saiba o que é e como usar para emagrecer

Pouca gente sabe, mas 70% do nosso sistema imunológico está no intestino. Assim, equilibrar a microbiota, também chamada de flora intestinal, é um caminho longo a percorrer, que começa com uma alimentação saudável e balanceada. 

O ponto de partida é o consumo de muitas verduras e legumes, cuidado com o excesso de açúcar, farináceos e alimentos ultraprocessados e ingestão de micro-organismos benéficos, que são os probióticos – e, entre eles, está o kefir

Para quem nunca ouviu falar ou não conhece bem o produto, grãos de kefir são um conjunto microbiano usados na fermentação de líquidos para obter bebidas probióticas e funcionais.

Assim, é uma bebida fermentada produzida a partir da ação dos micro-organismos presentes em seu próprio grão. Portanto, para produzi-lo, é preciso submergir seus grãos em leite. Geralmente uma colher de sopa em meio litro de leite de vaca, de cabra ou de ovelha – e deixar fermentar por aproximadamente seis horas em temperatura ambiente.

“Os grânulos fermentam o leite, deixando-o com aparência de iogurte. Assim, essa fermentação promove uma digestibilidade maior, além de ter efeito probiótico, que ajuda a regular a flora intestinal, e a fortalecer a imunidade”, explica a nutricionista Patricia Davidson em seu perfil no Instagram. 

“Esses ‘iogurtes’ podem ser usadas em smoothies com frutas ou mesmo consumidos sozinhos”, completa a especialista. Contudo, a recomendação é a ingestão de um copo médio ao dia, preferencialmente pela manhã.

Um copo (200 ml) de kefir de leite apresenta aproximadamente:

  • 104 calorias
  • 6 g de lipídeos;
  • 25 mg de colesterol;
  • 70 mg de sódio;
  • 7 g de carboidratos;
  • 6 g de proteínas;
  • 187 m de cálcio;
  • 148 mc de fósforo;
  • 0,1 mg de ferro.

Além disso, a bebida pode oferecer ao organismo vitaminas A, B12, B7, B1, C e D. 

Benefícios do kefir

Um estudo recente feito por pesquisadores da Universidade de Auburn, nos Estados Unidos, junto com experts da Universidade de Vila Velha, no Espírito Santo, analisou três grupos de camundongos. Um tinha hipertensão e recebeu o superalimento como tratamento; outro que também era hipertenso, mas não foi tratado; e o último, que tinha pressão normal e não recebeu qualquer tipo de terapia.

Assim, os resultados dos testes mostram que, após nove semanas consumindo o kefir, os animais apresentaram, entre outras coisas, taxas mais controladas da pressão arterial. Outro benefício foi uma maior permeabilidade intestinal, o que permite que o órgão trabalhe corretamente, e a restauração do equilíbrio de quatro bactérias presentes no intestino.

Conheça mais benefícios do kefir: 

  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Auxilia no emagrecimento;
  • Fortalece os ossos; 
  • Melhora a digestão; 
  • Reduz o estresse, depressão e insônia;
  • Ajuda na redução de alergias;
  • Elimina toxinas do organismo; 
  • Auxilia no combate ao câncer; 
  • Contribui para uma pele mais saudável; 
  • Melhora a função intestinal.

Kefir e emagrecimento

O kefir pode auxiliar a emagrecer (emagreça com o Tecnonutri) por garantir um aumento da saciedade e por ajudar na melhora intestinal. Porém, é importante lembrar que o kefir sozinho não irá fazer com que a pessoa perca peso. Por isso, seu consumo deve estar associado a uma alimentação balanceada e hábitos de vida saudáveis.

Leia também: Probióticos: O que é e como consumir

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.