Exercícios de gratidão que diminuem o estresse e aumentam a imunidade

Com a situação e a mudança que estamos vivendo devido ao coronavírus, o estresse se torna recorrente. Assim, conforme surgem as incertezas, também aumenta o medo e ansiedade. Porém, estresse excessivo pode trazer diversas consequências. Por isso é importante praticar a gratidão, que além de diminuir o estresse também aumenta a imunidade.

Gratidão e estresse: Entenda a relação

O cortisol é liberado pelas glândulas suprarrenais para gerenciar estressores agudos, o que apoia na função imunológica, diminuindo a inflamação. No entanto, quando o estresse é excessivo, o cortisol pode suprimir o sistema imunológico, tornando-a mais propensa a adoecer.

Segundo estudos, a gratidão, que significa reconhecer a bondade da vida, foi associado a níveis significativamente menores de estresse. 

Quem não tem o costume de agradecer no dia a dia deve saber que é comprovado cientificamente que a gratidão pode trazer benefícios significativos para a saúde mental e física.

A gratidão é um sentimento de reconhecimento por algo bom que trouxe benefícios. Além disso, geralmente, quando as pessoas agradecem, as situações fluem de uma maneira melhor.

Se você está sobrecarregado por estresse, pode ser difícil ter uma perspectiva positiva e ser grato. Uma ótima ferramenta que ajudará a ter pensamentos mais positivos e de gratidão, é o diário. Anote como se sente ou o que está pensando naquele momento. 

Leia também: Coronavírus: O que você precisa saber para se cuidar

Você pode mudar pensamentos ansiosos para agradecimentos, o que afasta sua atenção do que está errado e passa para o que está certo. 

Exercício de gratidão

Agradecer vai muito além de falar “obrigado” para alguém em qualquer situação. Tem a ver com ser grato por muito mais. Existe um exercício de gratidão de cinco minutos que pode ajudar a lidar melhor com o estresse da quarentena:

  1. Comece com um exercício de respiração chamado respiração quadrática. Você simplesmente inspira por quatro segundos, retém a respiração, expira e retém novamente, cada um por quatro segundos. Repita isso três vezes. Este exercício envolve o sistema nervoso parassimpático, o sistema responsável pelo descanso e relaxamento”, explica ela.
  2. Em seguida, escreva três coisas pelas quais você é grato e por qual motivo.
  3. Continue assim: Passe alguns minutos por dia exercitando gratidão. Você (e seu sistema imunológico) será grato por isso.

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo