Exercícios físicos salvam cerca de 4 milhões de vidas por ano

Que os exercícios físicos possuem diversos benefícios para o corpo e mente, você provavelmente já sabe. É bom para o coração, ajuda a evitar os sintomas da depressão e fortalece os ossos, entre muitos outros. Mas, você sabia que praticar atividades físicas pode salvar cerca de 4 milhões de vidas por ano em todo o globo?

De acordo com um estudo feito pela Universidade de Cambridge e Edimburgo, na Inglaterra, praticar exercícios físicos regularmente evitava em média 15% das mortes em todo o mundo. O que equivale a aproximadamente 3,9 milhões de vidas salvas a cada ano.

Como o estudo foi feito

Os pesquisadores levantaram dados sobre a prevalência de atividades físicas em 168 países, de acordo com as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS). O recomendado é pelo menos 150 minutos semanais de atividade intensiva vigorosa ou uma combinação equivalente. Dessa maneira, quando foram combinados os dados com as estimativas de mortes precoces, os pesquisadores estimaram que a proporção de mortes prematuras evitadas tinham um motivo: a prática de exercícios físicos.

Dito isso, embora sejam necessários mais estudos, os pesquisadores afirmam que, ao mostrar para a população quantas mortes são evitadas, as pessoas tendem se interessar mais por se manter em movimento. Além disso, também pode ser possível enquadrar o debate de uma maneira positiva, o que pode contribuir e trazer benefícios para a população.

Leia também: Porque você deve se exercitar para aliviar o estresse

“Estamos acostumados a ver as desvantagens de não obter atividade suficiente – seja esporte, academia ou apenas uma caminhada rápida na hora do almoço. Mas, concentrando no número de vidas salvas, podemos contar uma boa notícia sobre o que já está sendo alcançado ”, explica Tessa Strain, autora do estudo.

Maneiras de se manter ativo

  • Saia para fazer uma caminhada diária;
  • Faça um passeio de bicicleta ou corra se puder;
  • Faça exercícios de alongamento ou yoga para seus músculos e articulações;
  • Se você tem um jardim, faça jardinagem – ótimo para alongar e dobrar;
  • Atividade ao ar livre ou em parques e atividade com outras pessoas podem ter benefícios adicionais para a saúde mental e social.

Leia também: Dicas de como usar a caminhada para emagrecer

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo