Exercícios aeróbicos: O que são e para que servem

Se você está precisando emagrecer será difícil escapar dos exercícios aeróbicos. Dançar, pular corda, pedalar, correr, caminhar, escalada são tipos de atividades aeróbicas que são gatilhos para a perda de peso e ajudam a aumentar a resistência física.

O personal trainer e educador físico Washyngton Rafael de Sales, de São Paulo, explica que aeróbicos são os exercícios de baixa intensidade e de longa duração, nos quais ocorre um processo metabólico com a presença de oxigênio, glicose, carboidrato e gordura, utilizados como fonte de energia. 

Segundo o especialista, os exercícios aeróbicos precisam ser praticado com muita repetição para que causem a perda de peso. “Portanto, não digo que é apenas nos resultados físicos que ele tem benefícios. Ele facilita o caminho do emagrecimento porque dá mais disposição para o organismo”, garante.

Leia também: Musculação: O que é, benefícios e principais tipos

Muitos são os benefícios com a prática regular dos exercícios aeróbios de três a seis dias na semana. Veja alguns deles:

  • Potencializa o sistema imune;
  • Promove a qualidade do sono;
  • Fortalecimento da musculatura do coração, aumentando a capacidade cardiorrespiratória;
  • Melhora o nível do bom colesterol, o HDL;
  • Aumento da resistência à fadiga, dando mais disposição para as tarefas do dia a dia;
  • Prevenção de doenças como hipertensão, diabetes, acidentes vasculares cerebrais e obesidade;
  • Provoca a perda de peso.

Potencialize os resultados

Os resultados mais imediatos são a melhora da disposição e melhora da circulação sanguínea. Os outros benefícios funcionam como uma poupança: quanto mais praticamos, mais acumulamos saúde.

É importante a regularidade em seus treinos para potencializar os resultados com a atividade física. Assim, os efeitos acumulativos são os mais eficazes para a saúde. Além disso, o índice de lesões é grande com a prática de exercícios esporadicamente. Isso é um fator que deve ser evitado.

Leia também: Fitness x Wellness: Você sabe a diferença?

Quando realizamos exercícios aeróbicos moderados sentimos que nosso coração está batendo mais acelerado que em repouso, mas não sentimos o aceleramento excessivo. A respiração é um termômetro para sabermos se estamos no caminho certo. A frequência respiratória aumentará, mas de forma sutil e ainda conseguimos conversar com outra pessoa normalmente, enquanto realizamos a atividade. A partir, do momento que não conseguimos conversar normalmente durante a prática é sinal que devemos diminuir o ritmo.

Além disso, podemos sentir o efeito de relaxamento após os exercícios pela liberação de endorfina, que é um neurotransmissor, assim como a noradrenalina, a acetilcolina e a dopamina, todas liberadas durante a atividade. Esses hormônios são chamados de hormônios do prazer, pelos efeitos de relaxamento que produzem.

Fernanda Andrade
Personal Trainer – CREF 51670

Leia também: O que queima mais calorias: exercício aeróbico ou musculação?

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.