Emagrecer no inverno: O que fazer e como resistir às tentações

Quando as temperaturas começam a diminuir e o frio bate à porta, muita gente costuma perder a motivação de reduzir os quilos da balança. Afinal, como resistir à combinação de preguiça e o aumento de apetite que a estação mais fria do ano traz? Mas, é possível driblar as tentações e conseguir sim emagrecer (emagreça com o Tecnonutri) no inverno

Na verdade, o que pouca gente leva em conta é que, quando o tempo está mais frio, o corpo precisa trabalhar com mais intensidade para se manter aquecido, em sua temperatura adequada. Assim, isso faz com que o organismo acelere o metabolismo e, consequentemente, gaste mais energia e calorias.

Portanto, aproveite o período e use-o a favor da perda de peso. Veja dicas certeiras de como potencializar os resultados da dieta e conseguir emagrecer no inverno. 

emagrecer com low carb

Lembre-se das sopas

Os dias mais frios não são os mais animadores para se comer saladas. Mas, em vez de pular para o prato principal, procure investir em sopas caseiras, especialmente as de verduras e legumes sem amido. Assim, sua fome já terá diminuído na hora da refeição principal. Repolho, alface, brócolis, abobrinha, alho poró, gengibre e tomate são excelentes ingredientes para o preparo. 

Invista nas fibras

As fibras, ingredientes naturais de frutas, hortaliças e cereais melhoram a vida em diversos aspectos e combatem uma série de doenças. Ela ajuda a manter as vísceras regulares, reduz naturalmente o colesterol LDL e, sim, faz com que você se sinta mais satisfeito por mais tempo. Alcachofra, lentilha, grão-de-bico e feijão preto podem ser adicionados ao prato. 

Faça trocas inteligentes

Se você deseja emagrecer no inverno, mas não sabe por onde começar, saiba que pequenas substituições simples na alimentação do dia a dia podem fazer a diferença na balança. Assim, trocar a farinha branca pela versão integral, por exemplo, é uma troca simples, mas que faz uma diferença na saúde e na alimentação. A farinha branca engorda e traz riscos de obesidade, compulsão alimentar, diabetes e doenças crônicas, além de prejudicar o funcionamento do intestino. Já as versões feitas com oleaginosas contém mais fibras, que auxiliam no processo de digestão e fazem com que se sinta saciado por mais tempo. Outras opções válidas:

  • Substitua o pão francês e o pão branco pelo pão integral
  • Troque óleos vegetais por azeite
  • Vá de chocolate amargo

Movimente-se

Frio pode até dar preguiça, mas não é desculpa para sedentarismo. Portanto, aproveite que está passando mais tempo em casa para organizar a agenda e encaixar um treino para potencializar os resultados e emagrecer com ainda mais saúde. Malhar no conforto do lar vai garantir que você ainda possa aumentar a frequência cardíaca, suar, fortalecer os músculos e liberar energia e emoções reprimidas. 

Leia também: Como comer bacon sem comprometer a dieta

O que você precisa para treinar e emagrecer no inverno? Não é muito: Um espaço para se movimentar com segurança, o peso do próprio corpo e, para completar, um aplicativo com recursos gratuitos que guie seus treinos e passe todas as coordenadas para a execução correta dos exercícios.  O aplicativo Workout, uma plataforma focada em exercícios para se fazer em casa, conta com aulas em vídeo de yoga, pilates, alongamento, HIIT, relaxamento, treinos funcionais são algumas das modalidades que estão no app, do nível iniciante ao avançado. 

Abuse dos chás

Além de quentinhas e reconfortantes, bebidas como o chá verde, chá de casca de laranja, de limão, de mexerica ou de jabuticaba, e chá de gengibre têm alto teor de fitoquímicos que previnem doenças, maximizam a perda de gordura e o aumento da massa magra. Além disso, eles também ajudam a silenciar os genes envolvidos com o ganho de peso.

Controle o tamanho das porções

Para manter uma alimentação equilibrada e saudável é preciso consumir todos os grupos alimentares – proteínas, carboidratos, gorduras e, claro, frutas e verduras. Mas, só isso não basta, já que é importante também conhecer e respeitar as quantidades ideais de cada grupo. 

Assim, cada um deve controlar as porções dos alimentos que ingere ao longo do dia. Além disso, também é bom ficar de olho no excesso de itens como manteiga, óleo, molhos de salada, maionese e condimentos.

Leia também: Como comer hambúrguer sem sair da dieta

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.