Quer emagrecer? Cuide do seu intestino

Emagrecer parece ser uma simples soma de “fechar a boca” e “se exercitar”. Porém, há quem siga uma dieta, pratique atividades físicas e ainda assim tenha dificuldade de diminuir o ponteiro da balança. 

Assim, a situação deixa evidente que perder peso pode envolver outros personagens, e um dos mais importantes deles é a saúde do órgão que já foi chamado, inclusive, de segundo cérebro: o intestino

“O equilíbrio do intestino é fundamental para que o organismo funcione bem e absorva os nutrientes que você precisa”, adianta  a nutricionista Hannah Médici Viersa, de São Paulo.

Leia também: Reeducação alimentar: Saiba o que é e como começar

“Portanto, açúcar refinado, farinha branca, alimentos processados e industrializados deixam nosso intestino ‘fraco’ e permeável, gerando um quadro inflamatório que é a origem de problemas como aumento da gordura visceral, obesidade e resistência à insulina”, alerta a profissional. 

Emagrecimento e intestino

As bactérias que habitam o intestino humano, ou microbiota, como é chamado o conjunto delas, têm um papel fundamental para a nossa sobrevivência. Assim, o endocrinologista Mario Saad, do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Unicamp, explica que o intestino tem entre 600 e 1000 espécies de bactérias. Aliás, quanto mais espécies uma pessoa tem, melhor é, já que com menos bactérias, a absorção de fibras diminui e a massa corporal aumenta.

Leia também: Emagrecer: 28 dicas para perder peso rápido com saúde

Dessa forma, adotar uma alimentação pobre em nutrientes favorece uma microbiota menos diversa, o que deixa o indivíduo mais propenso ao ganho de peso. “Contudo, para emagrecer (emagreça com o Tecnonutri) , é importante evitar o consumo de açúcar e farinha refinados e substituí-los por alimentos ricos em fibras, presentes especialmente nos legumes, verduras e frutas”, completa a nutricionista. 

Faça sua avaliação de peso, descubra seu peso ideal e aprenda a emagrecer com a Low Carb. Clique para saber mais

Alimentos que melhoram a saúde do intestino

Alho

É rico em prebióticos, nutrientes que alimentos as bactérias “boas” no intestino e as ajudam a se proliferarem. 

Frutas vermelhas

Frutas como amora, framboesa e mirtilo contém 4 gramas de fibras em apenas meia xícara. Por isso, inclua essas delícias em sucos, saladas e iogurtes para lanches saudáveis e funcionais.

Iogurte

Fermentado, é rico em  probióticos, que são as bactérias “boas” do seu intestino. Prefira as versões naturais, sem açúcar ou desnatados. 

Alimentos integrais

A versão integral de pães e massas têm alta quantidade de fibras graças aos ingredientes em sua forma original (sem passar pelo processo de refinamento).

Oleaginosas

Não é a toa que o mix de nozes, amêndoas e castanhas é um dos lanches queridinhos dos nutricionistas. Além de serem ricas em fibras, possuem a chamada gordura boa, que também colabora para o bom funcionamento do intestino.

Água

O consumo aproximado de 1,5 litro por dia, além de hidratar o organismo, contribui com o funcionamento do intestino e eliminação de toxinas.

Leia também: Os seis melhores carboidratos para a sua dieta

Sobre o autor

Amanda Figueiredo
Amanda Figueiredo
Jornalista, editora sênior de nutrição, saúde e bem-estar.