Dor no pescoço durante o abdominal? Saiba o que seu corpo quer dizer

Se você é do time que sente dor no pescoço após uma série de abdominais, pode ser que seu corpo esteja tentando dar algum recado. A tensão no pescoço durante exercícios focados no abdômen é tão comum que você pode pensar que é apenas um fato da vida. Mas, esse desconforto é um sinal de que algo não está certo e precisa de ajuste.

Entenda o que pode estar causando essas dores irritantes e confira dicas de correções para que seus movimentos sejam mais eficazes.

Problema 1: O pescoço está compensando a força do abdômen 

Quando atingimos nossa amplitude de movimento final em uma articulação, geralmente usamos os músculos na frente da coluna para nos ajudar a avançar um pouco mais. Em outras palavras, o pescoço compensa nossos abdominais e tenta levantar a cabeça do chão.

Nesse caso, deixar o queixo dobrado para baixo já pode aliviar essa tensão. Uma posição dobrada no queixo reduz a força dos músculos do pescoço para manter você em alinhamento neutro. Não apenas dobrar o queixo diminuirá a dor no pescoço, mas também resultará em maior ativação abdominal, aumentando assim a eficácia do exercício. Tal dica, inclusive, já foi comprovada em um estudo publicado no periódico especializado Journal of Physical Therapy Science.

Problema 2: Sua técnica pode estar errada

Durante os abdominais, muitas pessoas simplesmente puxam o corpo para cima, liderando com a frente da coluna cervical, de modo que o pescoço, em vez do tronco, faz a força do movimento. 

Para concentrar o esforço no abdômen, o truque é suportar o peso da cabeça sem puxar o pescoço com as mãos. Assim, tente colocar as pontas dos dedos atrás das orelhas, não no pescoço. Mantenha um toque leve e se concentre em se puxar com o tronco.

Leia também: Não consegue fazer prancha? Entenda o que seu corpo quer dizer

Problema 3: A gravidade está puxando seu pescoço

Quando estamos em pé, a gravidade mantém a cabeça equilibrada em cima do pescoço. Por outro lado, em posições como a do abdominal, a gravidade está trabalhando para forçar sua cabeça a sair do alinhamento neutro. Essa falta de alinhamento coloca peso e pressão extras na coluna. Segundo um estudo publicado no jornal especializado Surgical Technology International, inclinar a cabeça em um ângulo de 60 graus coloca cerca de 15 quilos de estresse na coluna cervical. É por isso que o alinhamento neutro do pescoço durante os exercícios abdominais é importante para minimizar dor e desconforto e reduzir o estresse na coluna.

Nesse caso, ao sentir dor, troque exercícios que exigem movimento do pescoço por aqueles que o mantenha estabilizado ou apoiado, como flexão, elevação de quadril ou agachamento

Leia também: Não consigo fazer agachamento. O que o corpo quer dizer?

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.