Dieta dos Nutrientes: O que é e como fazer

Com base na premissa de que comer alimentos com poucos nutrientes faz mal à saúde, o Dr. Joel Fuhrman, médico de família e pesquisador nutricional, criou a Dieta dos Nutrientes.

A ideia do plano alimentar é proporcionar uma exposição ideal à orquestra completa de micronutrientes e fitoquímicos de que o corpo precisa. O propósito central da dieta é não apenas promover o emagrecimento de forma saudável e duradoura, mas também propiciar àquele que a segue uma vida longa e livre de doenças graves, como câncer e doenças cardiovasculares. 

Como funciona a Dieta dos Nutrientes

Para que não haja dúvidas quanto ao que se pode ou não consumir na dieta, Dr. Fuhrman esquematizou uma pirâmide alimentar. No topo, estão os alimentos menos recomendáveis para o consumo. Esses são: carnes, doces, queijos e comidas processadas. Na base, estão os vegetais, que devem compor 60% das calorias diárias do indivíduo. No meio da pirâmide estão frutas, grãos, sementes, nozes e o abacate.

O médico também trata do que chama “favorabilidade hormonal”, isto é, alimentos com alto índice glicêmico (exemplo: carnes e carboidratos) e sua ligação com doenças como Câncer e obesidade. Por isso, a dieta em questão recomenda que esses alimentos sejam consumidos o mínimo possível.

Benefícios

Ao prezar pelos nutrientes mais do que por “calorias vazias”, nas palavras de Fuhrman, a dieta é efetiva na promoção de uma vida mais saudável. Porém, tal resultado é questionável, uma vez que a dieta dos nutrientes é considerada difícil de ser seguida. Ainda assim, a genialidade dela é justamente essa: promover não uma brusca mudança no peso de alguém, mas em sua mentalidade e pensamento. Joel Fuhrman argumenta que, em vez de se preocupar nas calorias, deveríamos nos preocupar com a qualidade daquilo que comemos.

Alimentos liberados

Os alimentos na base e no meio da pirâmide proposta por Fuhrman são totalmente liberados para consumo. Alguns exemplos desses são: legumes diversos, frutas, verduras, oleaginosas, nozes, raízes, grãos e sementes diversas e o tão querido abacate.

Leia também: Os vegetais mais saudáveis para colocar na dieta

Alimentos para serem consumidos com moderação

  • Fontes de proteína animal (ovos, leite e derivados e carnes)
  • Fontes de gorduras trans
  • Guloseimas açucaradas
  • Fontes de carboidratos simples (refrigerante e pipoca, por exemplo)

Além disso, é recomendado que não se petisque entre refeições e que o indivíduo pare de comer antes de se sentir “cheio”.

A Dieta dos Nutrientes emagrece mesmo?

Segundo Fuhrman, é previsto que uma pessoa perca cerca de 6 quilos em um mês. Certamente, tal número é apenas uma média e pode variar individualmente, mas estima-se que tal resultado seja comum entre os adeptos da dieta.

Leia mais: Como emagrecer rápido e com saúde

Sugestão de cardápio

Café da manhã

Almoço

  • Vegetais crus à vontade, caldo de lentinhas (fonte de proteína vegetal) e frutas como sobremesa.

Jantar

  • Salada de folhas à vontade, vegetais de escolha refogados, nozes e oleaginosas para temperar e incrementar.

Desafio 7kgs em 6 semanas!

Chegue no verão com o corpo que você quiser!