Dieta 5:2: Conheça esse tipo de jejum intermitente

Apesar de ser chamada de dieta, a dieta 5:2 é, na verdade, um tipo de jejum intermitente (comece seu Jejum Intermitente com o Tecnonutri) . Basicamente, o é uma prática popular que pode ser feita de muitas formas, pois existe mais de um tipo de protocolo.

Sendo assim, uma das possibilidades de jejum intermitente é chamada de dieta 5:2, cujo nome significa que, por apenas dois dias da semana, a pessoa que a segue deve consumir menos calorias. Porém, nos outros 5 dias, é possível comer em maior quantidade. Esse é um método também chamado de “dieta dos dois dias”. Sua autoria é de Michael Mosley, um nutricionista inglês.

emagreça com jejum intermitente

Como fazer a dieta 5:2

A princípio, a dieta 5:2 consiste em consumir um menor número de calorias por dois dias da semana, ao passo que o consumo nos outros 5 dias pode ser maior. Portanto, é flexível e que não exige um comprometimento diário de quem a segue.

Basicamente, durante os dois dias de menor consumo calórico, o protocolo sugere que a ingestão não seja maior que 500 calorias (mulheres) ou 600 calorias (homens). Porém, nos outros dias, permite-se consumir até 1.500 calorias, ou seja, o triplo dos outros dois dias.

Ainda, é preferível que os dois dias da semana sejam feitos de forma seguida. Por exemplo, 500 calorias na segunda-feira e 500 calorias na terça-feira. Nesse caso, na quarta-feira e nos próximos dias seria possível consumir 1.500 calorias.

Sobretudo, é recomendável priorizar o consumo de alimentos naturais e nutritivos, como as frutas, bem como os legumes, as leguminosas, os cereais e mais. Isso vale para todos os dias da semana.

Leia também: Dieta líquida detox: O que é, como fazer, seus benefícios e riscos

Possíveis riscos dessa dieta para a saúde

Por fim, apesar de promover a perda de peso de forma rápida, essa é uma dieta que estimula um consumo muito baixo de calorias por dois dias seguidos. Isso pode causar alguns prejuízos à saúde de quem a pratica. Sendo assim, alguns dos possíveis riscos à saúde são, por exemplo:

  • Má nutrição
  • Dores de cabeça
  • Fadiga e cansaço extremo
  • Indisposição
  • Irritações no estômago
  • Mau humor
  • Estresse
  • Queda de pressão

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo