Cuidados dermatológicos que quem malha deve ter

Seja você da turma da caminhada ou do Crossfit, alguns cuidados dermatológicos com a pele, cabelo e outras partes do corpo devem ser tomados por todos que praticam exercícios físicos. 

Quem treina com certa frequência sabe que calos nas mãos, cabelo quebradiço e poros obstruídos são alguns dos problemas que podem surgir após a aula da academia

Mas, para ajudar a amenizar e evitar essas consequências da atividade física, o dermatologista Herbeth Sobral, da clínica Mais Excelência Médica, de São Paulo, dá dicas de alguns cuidados dermatológicos essenciais. Confira:

Poros obstruídos

Quando treinamos, fazemos com que o trabalho da glândula sebácea aumente. Ela produz mais óleo, e as glândulas sudoríparas, produtoras do suor, estão em maior atividade. “É normal suar, e o suor faz com que haja um aumento do número de poros obstruídos. O aumento da oleosidade produzida pela glândula sebácea também acelera essa obstrução”, explica o dermatologista. 

Quanto maior a produção de endorfina, maior a produção de óleo pela glândula sebácea e, portanto, mais riscos de espinhas. “Quem malha com maquiagem tem essa chance aumentada, pois ela também bloqueia os poros. Então, evite a maquiagem para treinar”, completa. 

Antes de iniciar um exercício físico, vale limpar bem a pele e usar um tônico para diminuir a quantidade de poros abertos. Secar a pele com lenços apropriados para oleosidade durante a malhação também pode ser uma boa dica.

Leia também: Os melhores alimentos anti-idade para colocar na dieta

Cabelos maltratados

O médico explica que o uso incorreto de presilhas e laços pode deixar o cabelo quebradiço.  “O ideal é usar um elástico encapado e mais frouxo”. O suor também pode se alojar nos fios. “E aí é ideal lavar os fios toda vez que malhar. Caso não seja possível, use o shampoo seco”, conta. 

Leia também: Como a poluição afeta a saúde do cabelo

Vermelhidão

Pele vermelha durante a atividade física é normal, pois quando treinamos ocorre uma vasodilatação, ou seja, o sangue passa em grande quantidade e ficamos mais vermelhos. “É um sinal fisiológico. Hidrate-se bastante e use roupas leves para a pele respirar”, indica. “Já para quem vai praticar exercícios ao ar livre ou vai se expor ao sol em algum momento, o protetor solar é indispensável.”

Faça sua avaliação de peso, descubra seu peso ideal e aprenda a emagrecer com a Low Carb. Clique para saber mais

Calos

O atrito das mãos na máquina, nas barras e pesos faz com que a pele produza uma barreira de proteção, que são os calos. A melhor maneira de evitar esse problema é usar luvas. Se eles já estão presentes, aposte no hidratante.

Leia também: Alimentos que ajudam a fortalecer os cabelos

Desafio 7kgs em 6 semanas!

Chegue no verão com o corpo que você quiser!

 
 

Sobre o autor

Amanda Figueiredo
Amanda Figueiredo
Jornalista, editora sênior de nutrição, saúde e bem-estar.