Coronavírus e a alimentação: Principais dúvidas

Afinal, qual é a relação entre o Coronavírus e nossa alimentação? Desde dezembro, o mundo está preocupado com o novo Coronavírus, cuja transmissibilidade é enorme. Por isso, neste momento, prestar atenção no que consome é essencial: manter seu corpo bem nutrido nunca foi tão importante.

Coronavírus e a alimentação: principais dúvidas

Posso cozinhar para outras pessoas?

Durante a pandemia de Coronavírus, é primordial minimizar as interações sociais e qualquer tipo de contato entre pessoas, mesmo aquelas mais próximas de nós. Por isso, cozinhar para outras pessoas pode não ser uma boa ideia. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o vírus é transmitido por partículas respiratórias projetadas da boca da pessoa infectada -que pode ser assintomática, ou seja, não aparentar estar doente. Portanto, se essa pessoa for a responsável por cozinhar a comida, ela pode acabar infectando os alimentos e aqueles que os consumirem.

Posso pedir comida por delivery?

Em resumo, o jeito mais propício do vírus se propagar é via contato humano, mas ele também pode ser transmitido através de objetivos que estiverem em contato com alguém infectado. Em especial, o vírus consegue sobreviver sobre embalagens de plástico por até três dias. Portanto, é recomendável evitar comida por delivery.

Leia também: Dicas de como congelar os alimentos

O vírus pode ser transmitido pela comida?

A princípio, não. Segundo a Autoridade Europeia em Segurança Alimentar, “não há evidências que comprovem a possibilidade da comida transmitir o vírus”. Ainda, a organização explica que o vírus precisa de um organismo vivo o hospedando para sobreviver, ou seja, ele precisa estar em contato com um ser humano ou um animal.

O cozimento da comida pode eliminar o vírus?

Um estudo feito por cientistas da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, confirma: sim. Quando o alimento é cozinhado em altas temperaturas, não há riscos de que o vírus sobreviva, caso ele esteja presente na superfície da comida. 

Devo evitar alimentos crus e mal-passados?

Esse tipo de alimento não necessita ser evitado, mas é essencial manter sempre suas mãos higienizadas, antes e depois de ingeri-los, para evitar qualquer risco de transmissão. Portanto, é necessário lavar as mãos por ao menos 20 segundos, com água e sabão. 

Leia mais: Como montar uma lista de compras saudável

Como devo higienizar os alimentos?

Ao chegar com as compras do supermercado, concentre-se na higienização básica: a boa e velha água. Não há motivos para exagerar na limpeza ou mesmo se desesperar, afinal, a capacidade de sobrevivência do vírus não é das maiores em superfícies como as dos alimentos. 

Leia mais: Como higienizar frutas e vegetais

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo