Colágeno em pó: Vale a pena tomar?

Já ouviu falar do colágeno em pó? Colágeno vem da palavra grega para “cola”, e trata-se de uma proteína responsável por dar firmeza à pele e a cartilagens, como a ponta do nariz e partes da orelha.

Essa proteína é encontrada em todo o corpo e é produzida naturalmente pelo organismo. Entretanto, a ingestão de alimentos que estimulam essa produção é necessária. Além da alimentação, é possível ingerir a proteína via suplementação – o tal do colágeno em pó

A importância do colágeno para o corpo

A falta dessa proteína pode ser extremamente prejudicial e é denominada colagenose. Por isso, é importante se atentar para a queda em sua produção, que tende a ocorrer a partir dos 30 anos de idade.

Com a queda em sua sintetização, a pele tende a se tornar mais flácida e as articulações do corpo podem apresentar dores e mau funcionamento, visto que a cartilagem articular é dependente do colágeno.

Não só, outros problemas como má formação óssea, falta de rigidez muscular, problemas de crescimento, inflamações musculares e doenças cutâneas podem ser acarretados pela colagenose.

Leia também: Alimentos naturais que valem mais que suplementos

Colágeno dos alimentos x colágeno em pó

Com o avanço da idade, o corpo passa a produzir cada vez menos colágeno. Com a suplementação, isso é minimizado e o organismo é “ajudado”.

Porém, como o nome já diz, suplementos alimentares são substâncias que tem como objetivo complementar a dieta (emagreça com o Tecnonutri) . Assim, a suplementação não diminui a importância da nutrição nesse processo. Ou seja, a ingestão de proteínas via alimentação é primordial. 

Além disso, alimentos naturais têm o benefício adicional de fornecer outros nutrientes, como antioxidantes e vitaminas e minerais essenciais. Eles costumam ser menos caros e, provavelmente, mais satisfatórios que os suplementos.

Alguns alimentos recomendados que beneficiam a produção de colágeno são:

Leia mais: Alimentos e ervas que aumentam a produção de colágeno

Afinal, vale a pena tomar colágeno em pó?

A resposta é: depende. Em suma, a importância do colágeno em pó é medida pela necessidade do corpo em relação a essa proteína. Assim, sua ingestão deve ser analisada individualmente com a ajuda de um profissional de saúde. Portanto, se este não for o caso, não é necessário suplementar.

emagreça com jejum intermitente

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo