Chá verde emagrece e acelera o metabolismo

O gosto dele é um pouco amargo, mas a ciência já provou que vale a pena fazer careta pela quantidade de vantagens que o chá verde pode fazer pela sua saúde.

Ele desintoxica, desincha, acelera o metabolismo e queima gordura. Além disso, o chá mais falado do momento tem ainda outros poderes a favor da saúde e contra o excesso de peso. Então, descubra mais sobre essa bebida e como colocá-la no seu dia a dia. 

O que é o chá verde?

Oriundo da planta Camellia sinensis, a mesma que origina os chás preto e branco, o chá verde tem suas folhas colocadas sob vapor e depois, secas, por isso contém propriedades diferentes. Desta forma, previne-se oxidação dos ingredientes e preservam-se os nutrientes. Entre os derivados da erva, esse é o chá mais popular no Brasil e foi alvo de mais estudos do que seus “irmãos”. Estima-se que a bebida corresponde entre 80 e 90% da produção de chá chinês, terra natal dessa planta, que hoje é cultivada em todo o mundo.

Para que serve o chá verde?

Diante dele, os olhos brilham: o chá verde, é conhecido pelos efeitos positivos na luta contra os quilos extras. Mas, será que eles realmente são tão poderosos?

O chá verde exerce uma importante função antioxidante, o que contribui para a prevenção de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer, por exemplo.

Benefícios

Os benefícios do chá verde se devem principalmente à composição rica em polifenóis, que são compostos naturais presente em vegetais e promovem uma defesa ao organismo. “O produto também está associado à diminuição das taxas de colesterol e à ativação do sistema imunológico. Além disso, este chá também auxilia beneficamente no controle do peso, devido às catequinas (um tipo de polifenóis) que, segundo estudos, induzem vias metabólicas envolvidas na quebra de gordura, dependendo da dose consumida”, explica a nutricionista Rafaela Silvério, pós-graduanda em Nutrição Clínica Funcional e Coordenadora Científica do Conceito Vitamine.

Emagrece

O chá verde acelera o metabolismo, fazendo você queimar gordura mais rapidamente.

Acelera o metabolismo

As catequinas interagem com os receptores da leptina, hormônio relacionado à sensação de saciedade do nosso organismo, evitando que você coma mais do que o necessário para seu organismo.

Previne Diabetes, Colesterol alto, Hipertensão

A maior parte do nosso colesterol vem da alimentação. As EGCG presentes no chá reduzem a absorção desse nutriente no nosso intestino.

Estimula o bem-estar e melhora o humor

Existe um aminoácido no chá verde que, quando liberado em nosso corpo, vai para o cérebro e lá aumenta a produção de dopamina e serotonina, neurotransmissores que estão ligados à sensação de bem-estar.

Auxilia na digestão

A atuação do chá verde nesse processo ocorre, devido a alguns compostos bioativos que ele traz em sua composição, e que estimulam a flora intestinal.

Contraindicação

Quando consumido em altas doses, o chá verde pode sim fazer mal. A grande quantidade de cafeína pode causar insônia, apesar dos efeitos calmantes do chá, e também levar à gastrite, por aumentar a secreção gástrica.

Ultrapassar a ingestão recomendada de 600 ml também pode reduzir a absorção de diversos nutrientes, como o ferro e cálcio, sendo que a ausência do último é perigosa para mulheres na menopausa. Por isso, mesmo consumindo apenas essa quantidade, é muito importante não tomar o chá verde durante as refeições.

Receita e modo de preparo

Chá verde com maça e hortelã

Ingredientes

  • 300 ml de água fervente
  • 1 saquinho de chá verde
  • 4 raminhos de hortelã fresca
  • 100 ml de suco de maçã sem açúcar
  • 1 colher de sopa de suco de limão

Modo de preparo

Derrame a água fervente sobre o saquinho de chá e coloque 2 raminhos de hortelã. Deixe esfriar antes de acrescentar os sucos de maçã e limão. Leve a geladeira e depois sirva com os 2 raminhos de hortelã.

Leia também: Chás: Conheça diferentes tipos e benefícios dessas bebidas

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.