Autoestima infantil: Como ajudar seu filho a desenvolvê-la

Durante a infância, a criança deve passar por aspectos cognitivos, sociais, emocionais e físicos para se desenvolver. A construção da autoestima infantil é uma delas. Principalmente nas escolas, as crianças passam por diversas situações que podem contribuir para uma autoestima baixa, como por exemplo, o bullying.

A autoestima está relacionada à construção da imagem positiva de nós mesmos. O intuito principal é que o indivíduo se sinta valorizado, seguro e confiante em suas atitudes e opiniões.

Assim, uma criança com autoestima elevada tem mais facilidade de lidar com os imprevistos que podem acontecer no futuro. Portanto, a família tem um papel fundamental no processo de desenvolvê-la. 

comer bem e cuidar da mente

Dicas para desenvolver a autoestima infantil

Valorize o esforço

Sempre que uma criança se dedica a um trabalho ou ideia, é importante reconhecer seus esforços. Isso porque esse ato a estimula a continuar realizando aquela atividade e melhorar cada vez mais.

Além disso, busque ser claro em relação aos elogios dados ao seu filho. Por exemplo, especifique dizendo “Você fez a tarefa da escola direitinho e caprichada, parabéns!”.

Evite comparações

Para a maioria das crianças, não há nada pior do que ser comparado com outras pessoas, seja irmãos, primos ou colegas. É importante que seu filho entenda que ele não é inferior a ninguém e todos tem o seu próprio valor.

Dessa maneira, caso seja necessário o corrigir por suas atitudes, não o compare com ninguém, mas sim, converse pontuando o que deve ser melhorado.

Atenção ao seu filho

De fato, a rotina de grande parte dos pais é corrida. No entanto, em meio a tantas tarefas e deveres, tente priorizar um tempo do seu dia com o seu filho, especialmente no final de semana.

Você pode priorizar as brincadeiras preferidas do seu filho, ir para um parque fazer um piquenique ou até mesmo planejar uma viagem para relaxar.

Leia também: Fome emocional em crianças durante a quarentena

Escute 

Se o seu filho está passando por dificuldades em relação à autoestima, esteja aberto para ouvir o que ele tem a dizer. Com isso, você criará um ambiente de confiança para que ele se sinta confortável em se expressar.

Demonstrar afeto aumenta a autoestima infantil

Uma criança deve ser criada com carinho e atenção, pois, assim, ela desenvolverá o amor próprio – fator essencial para a autoestima infantil. 

Apesar dos erros, o seu filho deve entender que é amado e aceito pela sua família. O afeto não significa que não haverá mais disciplina ou cobrança, mas sim, gera mais bem-estar no geral. 

Por fim, perguntei sobre como foi o dia na escola, o que ele gostaria de comer no jantar e outros fatores interessantes.

Leia também: Ansiedade infantil: Como identificar e controlar

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo